A Insatisfação que nos Move

Jayapataka Swami

Presos em um mundo de insatisfação e dores, naturalmente desejamos nos libertar.

Quando alguém se torna incompatível com o restante da sociedade, ele ou permanece infeliz nessa sociedade, ou busca escapar para uma vida de maior liberdade. Isso é o que está acontecendo no mundo ocidental agora. As pessoas estão frustradas por viverem sob as restrições artificiais do mundo material e tentam escapar dessas amarras e obter uma vida mais livre. Contudo, é inevitável que, tão logo um sujeito inteligente se canse dos prazeres transitórios obtidos a partir de algum novo empenho material, ele novamente se veja perdido, e se sinta forçado, assim, a indagar acerca da natureza da verdadeira felicidade.

Muitas pessoas estão sob a ilusão de que eram realmente felizes quando eram jovens. No entanto, quando as quatro misérias da vida material, a saber, nascimento, doença, velhice e morte, manifestam-se, a natureza evanescente dessa felicidade anterior fica bem aparente. Para alguns, a ilusão da vida se torna tão óbvia que tentam subjugar a mente, para evitarem a perturbação que surge de pensamentos relativos à sua condição desamparada, através do uso de drogas e meios similares.

De acordo com os ensinamentos dos sábios e das escrituras védicas, todos os sofrimentos que experimentamos se devem a essa falsa concepção que carregamos conosco: “Eu sou este corpo.” Nós não somos este corpo, mas, sim, centelhas divinas da energia espiritual, espíritos puros. O corpo material grosseiro é similar a um automóvel. Os automóveis se locomovem muito bem com um motorista, mas, tão logo o motorista parta, não há mais movimento algum – nada além de matéria morta. Nós somos o motorista, e nosso corpo é apenas matéria morta, uma máquina que nós, como forças vivas, estamos ativando.

Deus, porém, dá ao ser humano a escolha de ser consciente de Deus e, consequentemente, livre da influência da natureza material. Uma vez fora da consciência material, o ser humano não se sujeita mais aos quatro tipos de misérias da vida material.

Nossa Posição Eterna

Qual é a nossa posição eterna? Podemos ver aqui na Terra que nossa principal ocupação é servir: O governante serve os cidadãos, o empregado serve o empregador, um homem serve seus sentidos, seu cachorro, sua esposa, seus filhos, seu carro, etc. Uma pergunta que cabe aqui: Que satisfação se obtém de todo esse serviço? E a única resposta possível é esta: No máximo, alguma felicidade transitória. Não é surpreendente, portanto, que as pessoas estejam frustradas, que não se tratem com gentileza ou com sinceridade. Somos todos servos, mas, no mundo material, não há nada que possamos servir que nos dará a felicidade pela qual estamos buscando.

Por isso, não devemos buscar no mundo material por paz verdadeira, e muito menos paz eterna, amor eterno, bem-aventurança eterna e conhecimento eterno. O que quer que você tenha obtido materialmente não lhe será de nenhuma valia na hora da morte. E uma vez que todos nós iremos morrer, temos que considerar o que sobreviverá à própria morte. Esse tipo de raciocínio nos leva a concluir que a única pessoa que pode nos dar tudo o que queremos é Deus, porque Ele é a fonte suprema de tudo. Ele tem tudo para dar, e é todo-atrativo. Todos nós temos uma relação eterna de amor com Ele, da qual nos esquecemos devido ao apego material.

O caminho mais fácil e mais rápido para revivermos nosso relacionamento original com a Suprema Personalidade de Deus, Krishna, é cantando Seus santos nomes: Hare Krishna, Hare Krishna, Krishna Krishna, Hare Hare/ Hare Rama, Hare Rama, Rama Rama, Hare Hare. Esse canto é o método sublime para se obter completa consciência de Deus, e ele conduz a pessoa a um estado de êxtase e bem-aventurança. Qualquer um pode praticá-lo, sem consideração de idade, raça, religião ou nacionalidade, em virtude do que oferece uma verdadeira base para a irmandade de todos os seres humanos, algo que há tanto buscamos. Mais do que isso, por nos elevar à plataforma de consciência pura e livre de condicionamentos, o canto de Hare Krishna nos deixa livres para agir em termos de realidade espiritual.

Leia também: Uma Solução para Todos os Problemas.

Adquira e receba em casa: