Nityananda Trayodashi, o Advento de Sri Nityananda

-10 I (artigo - Caitanya e Associados) Nityananda Trayodashi (Nityananda Trayodashi dia 12) (1000) (pn)1

A.C. Bhaktivedanta Swami Prabhupada
(palestra realizada em Los Angeles, em 31 de janeiro de 1969)

Srila Prabhupada explica a canção Nitai-pada-kamala e assim glorifica Nityananda Prabhu no dia da comemoração de Seu advento.

Nitai-pada-kamala é uma canção de Narottama Dasa Thakura, um grande acharya da sampradaya gaudiya-vaishnava. Ele escreveu muitas canções sobre a filosofia vaishnava, as quais são aprovadas como em completa correspondência com as instruções védicas. Nessa canção, Narottama Dasa Thakura canta:

nitai-pada-kamala, koti-candra-sushitala
je chayay jagata juray

“O mundo inteiro está sofrendo sob o ardente incêndio da existência material, mas todos podem se refugiar aos pés de lótus do Senhor Nityananda para encontrarem alívio, pois tais pés são tão suavizantes quanto dez milhões de luas”. Hoje é o aniversário de Nityananda, de maneira que devemos apreciar esta instrução de Narottama Dasa Thakura de que, a fim de obter alívio das dores do incêndio abrasador desta existência material, o indivíduo deve refugiar-se aos pés de lótus do Senhor Nityananda, porque eles são tão refrescantes quanto os raios lunares de milhões de luas combinadas. Isso significa que o indivíduo deve imediatamente encontrar a atmosfera pacífica, assim como, se um homem que trabalhou o dia todo, coloca-se sob o luar, ele se sente aliviado. Analogamente, qualquer materialista que se coloque sob o refúgio do Senhor Nityananda imediatamente sentirá esse alívio. O poeta, então, diz:

heno nitai bine bhai, radha-krishna paite nai
dridha kori’ dharo nitair pay

“Para aquele que está ansioso por voltar ao lar, voltar ao Supremo, e se tornar associado de Radha e Krishna, a melhor política é refugiar-se em Nityananda”. Narottama, então, prossegue, se sambandha nahi ja’r, britha janma gelo ta’r: “Alguém que não foi capaz de entrar em contato com Nityananda deve ser considerado como alguém que simplesmente arruinou sua valiosa vida”. Britha janma gelo ta’r: “Arruinou (gelo ta’r) sua vida (janma) por nada (britha)”, porque não teve alguma conexão com Nityananda. O nome Nityananda significa “eterno prazer”, pela composição de nitya, “eterno”, e ananda, “prazer”. O prazer material, em distinção, é temporário. Por conseguinte, aqueles que são inteligentes não estão interessados no prazer oscilante do mundo material. Todos nós, como entidades vivas, estamos buscando por prazer, mas o prazer a que estamos tendo acesso é oscilante, temporário. Isso, portanto, não é prazer, senão que verdadeiro prazer é nityananda, “prazer eterno”. Então, qualquer um que não tenha entrado em contato com Nityananda deve ser tido como alguém que arruinou sua vida.

Narottama Dasa Thakura usa aqui uma palavra muito severa: sei pachu boro duracar. Ele diz que semelhante ser humano é um animal – um animal incontrolável. Existem alguns animais que não podem ser domesticados, e qualquer um que não tenha entrado em contato com Nityananda deve ser considerado um animal indomado. Por quê? Porque nitai na bolilo mukhe: “Ele jamais proferiu o santo nome de Nityananda”, e majilo samsara-sukhe: “e se imergiu na felicidade material”. Vidya-kule ki koribe tar. “Esse patife não se pergunta: ‘O que minha educação, minha família, minha tradição ou minha nacionalidade farão por mim?’”. Essas coisas não o podem ajudar, haja vista que são todas coisas temporárias. Se desejamos prazer eterno, temos que entrar em contato com Nityananda. Vidya significa educação, e kula significa família, ou nacionalidade. Então, podemos ter uma excelente conexão familiar ou podemos ter muitíssimo prestígio nacional, mas, após o término deste corpo, essas coisas não nos ajudarão. Levarei meu trabalho comigo, e, de acordo com esse trabalho, terei de aceitar, forçosamente, outro tipo de corpo, o qual pode não ser um corpo humano. Então, essas coisas não podem nos proteger ou nos dar o prazer verdadeiro.

Narottama Dasa Thakura, em seguida, afirma, ahankare matta hoiya: “O indivíduo fica louco atrás de falso prestígio e falsa identificação”. A falsa identificação com o corpo e o prestígio do relacionamento corpóreo se chamam ahankare matta hoiya. Nitai-pada pasariya: Devido a estar louco em busca desse falso prestígio, o sujeito pensa: “Quem é Nityananda? O que Ele pode fazer por mim? Eu não me importo com Ele”. Então, esses são os sinais do falso prestígio, e o resultado é que asatyere satya kori mani: “Aceitamos como real aquilo que é falso”. Por exemplo, aceitamos este corpo como o eu, malgrado não sermos este corpo. Com falsa identificação, enredamo-nos cada vez mais. Assim, alguém que se envaidece com falso prestígio aceita algo errado como certo. Ele, então, diz, nitaiyer koruna habe, braje radha-krishna pabe: “Se você é realmente sério quanto a voltar ao lar, voltar ao Supremo, por favor, busque pela misericórdia de Nityananda”; dharo nitai-charana du’khani, “agarre os pés de lótus de Nityananda”.

O poeta, em seguida, diz: nitaiyer charana satya. A pessoa talvez pense que, assim como, neste mundo material, agarramo-nos a muitíssimos refúgios que, em seguida, mostraram-se falsos; talvez os pés de lótus de Nityananda também se mostrem falsos. Narottama Dasa Thakura, todavia, garante que nitaiyer charana satya: “Eles não são falsos. Como Nityananda é eterno, Seus pés de lótus também são eternos”. Tahara sevaka nitya: “E qualquer um que adote o serviço a Nityananda também se torna eterno”. A injunção védica é que, sem ser eterno, ninguém pode servir o eterno – sem ser Brahman, ninguém pode se aproximar do Brahman Supremo. Assim como, sem ser fogo, ninguém pode entrar no fogo, ou, sem ser água, ninguém pode entrar na água; sem ser completamente espiritualizado, ninguém pode entrar no reino espiritual. Nitaiyer charana satya: Se você se agarrar a nitaiyer, os pés de lótus de Nityananda, você imediatamente se tornará espiritualizado. Caso você toque a eletricidade, por exemplo, você naturalmente é eletrificado de imediato. De maneira similar, Nityananda é a felicidade eterna, logo, se você tocar Nityananda, você, de um modo ou outro, também se tornará eternamente feliz. Tahara sevaka nitya: Todo aquele, destarte, que entra em contato com Nityananda torna-se imortal.

Narottama boro dukhi, nitai more koro sukhi rakho ranga-charanera pacha. Por fim, Narottama Dasa Thakura, o compositor desta canção, está apelando a Nityananda: “Meu querido Senhor, estou muito infeliz. Então, por favor, faze-me feliz e bondosamente me mantém ao lado de Teus pés de lótus”. Esta é a essência desta canção nitai pada kamala.

.

Se gostou deste material, também gostará destes: Se gostou deste material, também gostará destes: Sri Chaitanya-charitamrita: Apreciações Acadêmicas, A Derrota do Conquistador das Quatro DireçõesO Senhor Caitanya e o Renascimento da Devoção, Krishna Vem Novamente: O Advento de Caitanya Mahaprabhu, Caitanya Mahaprabhu e a História do Cachorrinho.

. 

Se gostou deste material, também gostará do conteúdo destas obras:

-10 I (artigo - Caitanya e Associados) Nityananda Trayodashi (Nityananda Trayodashi dia 12) (1000) (pn)7 -10 I (artigo - Caitanya e Associados) Nityananda Trayodashi (Nityananda Trayodashi dia 12) (1000) (pn)6 -10 I (artigo - Caitanya e Associados) Nityananda Trayodashi (Nityananda Trayodashi dia 12) (1000) (pn)5 -10 I (artigo - Caitanya e Associados) Nityananda Trayodashi (Nityananda Trayodashi dia 12) (1000) (pn)4 -10 I (artigo - Caitanya e Associados) Nityananda Trayodashi (Nityananda Trayodashi dia 12) (1000) (pn)3 -10 I (artigo - Caitanya e Associados) Nityananda Trayodashi (Nityananda Trayodashi dia 12) (1000) (pn)2

 

 

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s